Entre Amigos
NOS AJUDE A MANTER O SITE VOTE: http://www.top30.com.br/cgi/votar.cgi?ID=115266
Musica Sertaneja
Top30 Brasil - Vote neste site!
Top30, os melhores da Internet.
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Últimos assuntos
» ativar windows vista 32 bit .
Seg Ago 22, 2011 2:07 pm por msalves

» Adobe Premiere Pro CS5.5 + Encore CS5.1
Qui Jul 07, 2011 8:43 am por Mr. Mejoin

» Mudando o papel de parede do windows 7 starter
Seg Jul 04, 2011 7:55 pm por bruniinhoo

» Como formatar seu PC
Seg Jul 04, 2011 7:16 pm por bruniinhoo

» como aumentar a velocidade da sua conexão no Windows XP ou 2000
Dom Maio 08, 2011 7:59 pm por Ueslei-xD

» Vote TOP 30
Qui Fev 17, 2011 11:16 am por Mr. Mejoin

» Indicações ao OSCAR 2011
Qua Jan 26, 2011 8:44 am por anasab

» Filmes em 3D para 2011
Qua Jan 12, 2011 1:41 pm por anasab

» [Esporte] Flamengo e Milan anunciam acordo por Ronaldinho Gaúcho
Sab Jan 08, 2011 1:50 pm por Hotkill

» CV RPG Duvidas/interessados aqui
Sex Jan 07, 2011 11:58 am por Hotkill

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar

Como formatar seu PC

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Como formatar seu PC

Mensagem  Hotkill em Sex Fev 18, 2011 6:57 pm

Bem, primeiramente vou me apresentar, sou Hotkill, Adm aqui do fórum, não apareço mt, qd faço alguma coisa faço por trás de outros adms/mods, mas como não tenho o que fazer nas horas vagas vou tentar colocar mais coisas aqui no fórum Very Happy .

Bom, vamos ao tutorial.
Muita Gente não sabe como formatar um computador, então decidi fazer este tutorial detalhado e colocar aqui no EA santa.


Guia Comentado:

•Conceitos:

- Formatar:
Formatar um HD significa – simplificadamete – apagar suas informações. Sabe-se, porém, que certas informações são intrínsecas ao HD e são gravadas fisicamente de modo que é pouco viável alterá-las. Sabe-se ainda que, ao formatar um HD, prepara-se ele para receber informações específicas, sejam arquivos de um determinado rol de tipos, ou seja, um sistema operacional (Windows, Linux etc.). Antes de instalar qualquer sistema operacional (Windows, Linux etc.) o HD deve ser formatado, o que normalmente já é feito em seu processo de fabricação.
Quando se fala em PC (Personal Computer), formatar um HD geralmente é usado para corrigir um erro de difícil reparação e/ou aperfeiçoar o sistema. Fazer que um programa ou até mesmo o próprio sistema operacional funcione e tornar um computador mais rápido são problemas que podem ser solucionados com a formatação.
Algumas pessoas usam o termo “formatar” para o ato de reinstalar todo o sistema de um computador (formatar o HD, instalar ou reinstalar o sistema operacional, configurar o computador etc.). Mas este tutorial trata apenas do conceito estrito da palavra. Para mais informações sobre algumas dessas tarefas consulte outros tutoriais.
- Particionar:
Particionar significa dividir, em uma ou mais partes, o HD. É importante notar que, só pelo fato de usar um sistema operacional, o HD já obrigatoriamente estará particionado, mesmo que só em uma parte.
Podemos dividir o HD em mais de uma parte por diversos motivos, entre outros: para organizar o computador em “sistema” e “arquivos comuns”; para instalar mais de um sistema operacional; para uso de backup (cópia de segurança); para algumas tarefas de multiusuários; para simples critério de organização e para aperfeiçoar a gravação de um CD.

• Passos:


1 – Reavaliar a necessidade de formatá-lo
Formatar um computador demanda entre outras coisas tempo e trabalho. Não importa o quão experiente seja o usuário, com maior ou menor freqüência, haverá problemas ao formatar um PC. É prudente tentar analisar e resolver cada problema que motiva a formatação. Portanto, só é recomendado formatar um computador quando houver problemas sérios sem solução aparente ou quando se previr mais tempo e trabalho para solucioná-los do que para formatar o HD.

2 – Salvar arquivos e informações desejados em um lugar que não vai ser formatado
Planos minimizam erros. Para planejar-se a formatação é preciso adequar os passos a cada caso específico e organizar as informações. Por exemplo, é interessante anotar cada arquivo que se deseje salvar bem como onde encontrar determinados drivers e informações. Com um plano bem feito em mãos aperfeiçoa-se o tempo e customiza-se o trabalho.
Recomenda-se que se crie uma pasta chamada BACKUP onde tudo será salvo. Depois basta ir realizando o backup na ordem do guia. Quando chegar à parte de programas e arquivos, é interessante salvar pastas inteiras e indicar de alguma maneira a localização da pasta salva (colocando no nome a localização da pasta para depois copiá-la de volta – ex: c - documents and settings).
È necessário ter bastante atenção para que não se esqueça nada, pois os erros mais graves e mais freqüentes ocorrem nessa etapa. É preciso ainda saber que o guia não passa de uma regra, que pode ter exceções, ou seja, é necessário atentar para outros arquivos que não se encaixem na lista do guia, mas que precisam ser salvos. Ciente disso basta:

2.1: Salvar de cada usuário:
Vale a pena para essa etapa, criar uma pasta para cada usuário no local de backup e ir copiando cada parte importante para cada usuário.
a) Desktops:
Basta, normalmente, ir à pasta Documents and Settings, geralmente em C:\ e copiar a pasta Desktop de cada usuário e salvar no local de backup organizadamente para posterior recuperação.
b) Meus Documentos
Basta, normalmente, ir à pasta Documents and Settings, geralmente em C:\ e copiar a pasta Meus Documentos ou copiar a pasta onde o usuário guarda seus documentos.
c) Favoritos
Basta, normalmente, ir à pasta Documents and Settings, geralmente em C:\ e copiar o arquivo Favoritos de cada usuário.

2.2: Salvar do computador:
a) Drivers
O ideal é que se tenham todos os CDs de drivers que vêm quando se compra um computador ou que se tenha uma pasta em algum lugar que não será formatado ou CD com todos os drivers usados no PC.
Quando não houver nenhuma das alternativas anteriores, resta apelar para alguns programas que identificam, salvam e posteriormente restauram os drivers do computador. Ex: My Drivers, Drive Genius etc. Geralmente basta pedir para ele encontrar os drivers e salvar em um lugar que não será formatado e depois de instalado o Sistema Operacional, basta recuperá-los pelo programa.
Em último caso, quando o sistema operacional estiver indisponível, vale lembrar que pelo modelo e marca dos equipamentos é possível encontrar os drivers. Outra maneira é olhar diretamente nas placas o FCC ID (um conjunto de números e letras com 17 caracteres) que as identificam e permite que se encontre os drivers. Com esse FCC ID é possível achar a placa na Internet.

b) Arquivos do Office: Outlook, Access, Word, Excel etc.
Basta, normalmente, ir ao programa Microsoft Outlook, em arquivo, Gerenciamento do Arquivo de Dados, Abrir Pasta, Copiar o arquivo “Outlook” para uma pasta e posteriormente recuperá-lo da mesma maneira, mas clicando em adicionar depois de Gerenciamento do Arquivo de Dados.
Para o Outlook Express, basta normalmente copiar todos os arquivos com extensão”. dbx”, que geralmente se localizam em:
C:\Documents and Settings \ USUÁRIO \Configurações locais\Dados de aplicativos\Identities\ {64CE3BD6-628E-478B-8797-54426A042E92} \Microsoft\Outlook Express
c) Programas e arquivos de programas importantes:
É necessário criar uma lista de cada programa instalado no computador, quais arquivos se deseja salvar desses programas e onde encontrar o executável para reinstalação posterior do programa.
Uma tabela simples seria bem útil, por exemplo:

Programa Local de Instalação Arquivos a Salvar
MSN Messenger Internet Conversas
Joguinho CD de Instalação Jogos Salvos
Programa de Receitas Executável na pasta meus downloads Arquivo receitas.chás na pasta C:\cozinhebem\

Essa etapa é bem relativa, às vezes são necessários testes e soluções diferentes para salvar arquivos particulares de programas específicos. Jogos por exemplo, salvam os jogos salvos em uma extensão e nome particular, que o usuário deverá descobrir se desejar salvá-lo. Uma técnica interessante é salvar um novo arquivo e mandar fazer uma busca de todos os arquivos da pasta do programa e organizar por “modificado em”, assim, os que forem mais recém modificados têm mais chance de serem do tipo dos arquivos que se precisa salvar.
d) Outros arquivos ou informações importantes
Aqui é posto à prova realmente o feeling do operador, que deve observar atentamente os arquivos e informações importantes que restaram, mas que devem ser salvos. Normalmente não há muita coisa a se salvar além das já citadas.

3 – Formatar e particionar a unidade do sistema
Para essa etapa, será dada uma noção geral sobre formatação e particionamento e depois será indicada uma das formas mais simples para formatar a unidade do sistema. Cabe lembrar que existem muitas outras maneiras de fazer isso, embora essa seja a que demande menos tempo, equipamento e conhecimento específico.

3.1: Noção Geral
a) Saiba como o HD está particionado.
Para analisar os discos rígidos basta ir a Meu Computador e clicar com o botão direito nos discos locais e depois em Propriedades.
Normalmente o HD possui uma só partição. Nesse caso há duas opções: a primeira é copiar os arquivos que se deseja salvar em outro dispositivo (outro HD, um conjunto de CDs, um DVD etc.); a segunda é dividir O HD em dois (particioná-lo) e copiar os arquivos para ele. No segundo caso recomendam-se programas como o Partition Magic, que divide o HD mantendo a integridade dos arquivos.
No caso de o HD possuir mais de uma partição, geralmente uma delas é usada para o sistema – arquivos do Windows e dos programas instalados – e a outra é usada para armazenar arquivos pessoais que no caso da necessidade de formatação não venham a ser perdidos. Isso é muito desejável e facilita bem a formatação, sendo apenas necessário, formatar-se a partição do sistema.
Existe ainda o caso de mais de um HD. Para isso, podem-se ter infinitas combinações, onde cada HD pode ter quantas partições for conveniente e, de forma geral, em uma delas localiza-se o sistema.

b) Monte um esquema de partições.
Para montar um esquema de como será dividido o seu ou os seus HDs basta:
I - Definir quantas divisões serão necessárias
- Ex 1: duas partições; uma para o sistema e outra para os arquivos pessoais.
- Ex 2: três partições; uma para o Windows, outra para o Linux e outra para os arquivos pessoais.
- Ex 3: em um HD duas partições, uma para o Windows, outra para o Linux; em outro HD uma partição com meus arquivos pessoais;

II - Definir o tamanho de cada partição
Normalmente um sistema como o Windows XP só necessita de 4gb com folga. Entretanto, quando se pretende instalar na mesma unidade em que os sistemas diversos outros programas como jogos, editores gráficos e outros, esse valor aumenta, não sendo necessário, normalmente, mais que 10gb.
- Ex 1: 2 partições; uma para o sistema, com 3gb, e outra para os arquivos pessoais, com 7GB.
- Ex 2: 3 partições; uma para o Windows, com 5 Gb, e outra com 5GB para os arquivos pessoais;
- Ex 3: em um HD duas partições; uma para o Windows, com 5Gb, outra para o Linux, com 5Gb; em outro HD duas partições, uma com “meus arquivos”, com 35Gb e outro com “arquivos da minha irmã”, com 5Gb.


3.2: Passos para formatar a unidade do sistema.
a) Confira se as etapas anteriores foram concluídas.
Após a etapa três não haverá volta para arquivos excluídos. Portanto é de grande valia uma breve revisão nas etapas anteriores.
b) Reinicie o Computador e tecle DEL para entrar no SETUP.
c) Altere a prioridade de boot para o CD.
Isso significa fazer com que o computador inicie-se a partir do CD, e não do HD. Para isso, cada placa mãe tem uma maneira diferente que é indicada no manual. Contudo, sempre é necessário listar, na ordem, as unidades em que serão buscados os arquivos de inicialização. O usuário pode descobrir navegando nos menus do SETUP até achar a palavra chave BOOT. Às vezes está em Advanced Setup, às vezes em Advanced Settings, às vezes em Boot Device. Há ainda em algumas placas mães a necessidade de apertar F11 ou F6 ou outro F qualquer para que se encontre um menu de prioridade de boot.
Normalmente dispositivos apresentam-se com nomes um pouco complicados como:
Ao invés de leitora de cd: HL-DT-ST GCE-8526B
Ao invés de leitora de DVD: HL-DT-ST DVDRAM GSA-4163B
Vale observar que normalmente os HDs possuem o número da sua capacidade em Gigabytes nesse nome, exemplo:
Ao invés de HD de 40GB: WDC WD400EB-00CPF0
Ao invés de HD de 80GB: SAMSUNG SP0802N
O importante é ter o entendimento geral de prioridade de boot e ir navegando pelo SETUP até fazer o computador reiniciar pelo CD.
d) Salve as alterações, insira o CD do Windows XP e reinicie o computador.
e) Aperte alguma tecla para iniciar o CD quando ele pedir e espere.
f) Tecle ENTER para instalar o Windows XP
g) Tecle F8 para concordar com os termos.
h) Tecle ESC
i) Siga as instruções para criar, dividir e formatar partições
Nessa etapa o usuário vai colocar em prática o planejamento de como será dividido seu ou seus HDs. É muito importante manter intacta a partição que contiver arquivos salvos. Para dividi-la recomenda-se programas específicos como o Partition Magic, que dividirá a partição mantendo a integridade dos arquivos.
j) Instale o Windows na partição destinada ao sistema
k) Siga as instruções da tela

A partir desse ponto, não será necessário apertar alguma tecla para que se inicie o CD como na etapa e). Na próxima vez que a instalação pedir para ser reiniciado, volte no SETUP, como nas etapas b) e c) e mude o boot novamente para o HD.
Se qualquer um dos passos der errado, leia atentamente os menus que estiverem na tela e as mensagens de erro para que os problemas possam ser solucionados.

4 – Instalar o Windows XP
Siga as instruções na tela a partir do item l) da etapa três, tenha sempre o número de série do Windows à mão e leia com cuidado cada menu.

5 – Instalar os drivers
Drivers são programas que gerenciam os componentes de hardware. Sem eles não é possível que cada dispositivo funcione. Logo, enquanto os drivers não forem instalados, não será possível ouvir som, por exemplo.
Caso tenha sido usado um programa de backup para drivers como o My Drivers, basta reinstalar o programa e recuperar os drivers. Caso contrário é necessário instalar item por item como indicado a seguir.
5.1: placa mãe
Para instalar-se os drivers da placa mãe basta instalá-los a partir do CD. Ou seguir os passos.
a) Clicar com o botão direito em Meu Computador:
Se o Windows estiver recém instalado, ele não aparecerá, para fazer com que ele apareça, clique com o botão direito na área de trabalho, vá a propriedades, personalizar área de trabalho, marque a opção Meu Computador e/ou outra e aperte Ok.
b) Clicar em Propriedades
c) Selecionar a guia Hardware
d) Clicar em Gerenciador de Dispositivos
e) Clicar com o botão direito no Drive que estiver com a exclamação do lado
f) Clicar em Atualizar Drive
g) Indicar o local do drive
h) Instalar drive com as instruções da tela.
Para essa etapa é necessário que os drivers estejam salvos em algum lugar conhecido. Há diversas maneiras de baixar os drivers da Internet, quando se perderam os arquivos originais.
5.2: placa de vídeo
Para instalar-se os drivers da placa de vídeo basta instalá-los a partir do CD ou seguir os mesmos passos da placa mãe. Um detalhe importante é que normalmente para drivers usa-se VGA para referir-se a placa de vídeo.
5.3: modem/ placa de rede
Modems discados normalmente são instalados a partir de CDs ou disquetes ou como nos passos da placa mãe. Modems ADSL geralmente não precisam de instalação. As placas de rede também são geralmente reconhecidas pelo próprio Windows, caso contrário, basta instalá-las a partir do disquete ou outro local.
5.4: periféricos:
a) mouse, teclado e monitor.
b) impressora
c) scanner
d) webcam
e) gravadoras e leitoras de CD e de DVD
f) outros periféricos
5.5: outros drivers
Há muitas variáveis na instalação de drivers e isso pode se tornar um sério problema. Vale à pena pesquisas extras para solucionar problemas com eles.

6 – Habilitar a Internet
6.1.: Conexão discada
De preferência vá em Iniciar, Meus Locais de Rede, Exibir Conexões de Rede, clique em criar nova conexão e siga as instruções da tela para instalar um provedor. Normalmente os passos são: avançar, Conectar-me à Internet, clicar em Configurar minha conexão manualmente e em avançar, “Conectar-me usando um modem dial-up”, Colocar o nome do provedor e preencher as informações pedidas.
Caso não seja possível conectar-se dessa maneira, instale um discador de algum provedor na Internet (IG, IBest, UOL etc.).
6.2.: Conexão ADSL
Vá em Iniciar, Meus Locais de Rede, Exibir Conexões de Rede, e siga as instruções de acordo com seu provedor de serviços. Normalmente os passos são: avançar, Conectar-me à Internet, clicar em Configurar minha conexão manualmente e em avançar, escolher o seu tipo de acesso a Internet, Colocar o nome do provedor e preencher as informações pedidas.

7 – Instalar programas básicos da Internet
a) flash
O jeito mais fácil de instalar o flash é entrar em um site que use flash (ex. http://www.rolex.com), esperar e seguir as instruções.

b) adobe reader
Também o jeito mais fácil é digitando Download Adobe Acrobat Reader em algum site de busca, lembrando de selecionar só páginas em português. Posteriormente basta fazer o download do arquivo e instalá-lo conforme as instruções.
c) winrar
Winrar é um programa de compactação de arquivos muito utilizado. É interessante ir a um site de busca em português e procurar por Download Winrar. Escolha um programa para descompactar arquivos .RAR e instale.
d) outros programas
Algumas pessoas acabam usando programas auxiliares para utilizar a Internet, cabe ao usuário anotar esses programas e instalá-los um a um. Exemplo: para utilizar recursos de banco pela Internet é comum que se utilize alguns programas que são instalados ao entrar no site dos bancos.

8 – Instalar o Office
O Office é instalado a partir do CD, seguindo as instruções da tela e tendo em mãos o código de série do CD.

9 – Instalar outros programas e seus arquivos salvos
Nessa etapa deve-se recorrer à lista de programas a instalar e de arquivos a se recuperar. Instale cuidadosamente cada programa, evitando programas suspeitos ou desconhecidos.

10 – Testar todos os recursos
Teste diferentes recursos para ver se está tudo funcionando:
a) Hardware:
- Toque um som
- Passe um vídeo
- Navegue pela Internet
- Teste os periféricos (impressora, scanner, webcam etc).
- Identifique e solucione os problemas.
b) Software:
- Caso não houver feito, altere novamente a prioridade do boot para o HD, para que o computador não fique procurando CD para inicializar, o que deixaria lenta a inicialização.
- Use os programas instalados
- Verifique os arquivos recuperados
- Identifique e solucione os problemas

Com paciência e cuidado, as etapas acima bastam para formatar um computador e solucionar diversos problemas. Caso haja algum problema adicional é preciso ter calma e frieza. Às vezes algum detalhe de software ou de hardware não estará claro, mas tendo em mente o entendimento geral do conteúdo, os problemas vão sendo pontualmente resolvidos com um pouco de raciocínio. Assim sendo, espera-se que esse tutorial sirva como um instrumento de aprendizagem e como uma ferramenta poderosa para solucionar problemas relacionados ao microcomputador.

Digam o que voces acharam do meu tutorial Very Happy

_________________





Meu Fã? intao use:

Hotkill
Admin
Admin

Mensagens : 35
Pontos : 71
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2009

Ver perfil do usuário http://pokeanime.forumeiros.net/portal.htm

Voltar ao Topo Ir em baixo

Otiimo

Mensagem  bruniinhoo em Seg Jul 04, 2011 7:16 pm

Muito bem explicado pois faço curso de informatica e ta certinho da pra entender direitinho cada etapa !

Parabéns

bruniinhoo
Sou novato seja simpatico
Sou novato seja simpatico

Mensagens : 2
Pontos : 4
Reputação : 0
Data de inscrição : 04/07/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum